Atrativos turísticosHistóriaSobre

Explorando 6 Construções Históricas em Morro de São Paulo: Um Olhar no Passado

Getting your Trinity Audio player ready...

Os primeiros habitantes da ilha foram os índios Tupinambás. Em 1531, Martim Afonso de Sousa avistou as terras que se tornariam jurisdição da capitania de Ilhéus, uma das divisões da costa brasileira estabelecidas pelo rei português Dom João III como parte do sistema de colonização do Brasil no século XVI.

Origem do nome Morro de São Paulo

Presume-se que o Morro de São Paulo tenha recebido esse nome porque, em 1535, Jorge de Figueiredo Correia, a quem foi concedida a Capitania de Ilhéus, designou o tenente espanhol Francisco Romero para ocupar e colonizar o local, possivelmente próximo ao dia de São Paulo, 29 de junho.

No entanto, devido ao tempo que foi necessário para a obtenção da carta de doação e foral, ao preparo da expedição e ao tempo de viagem, historiadores apontam que também existe uma possibilidade mais provável de que isso tenha ocorrido em 25 de janeiro (Dia da Conversão de São Paulo) do ano seguinte, 1536.

Morro de São Paulo se tornou a sede da Capitania de Ilhéus e foi considerado o primeiro povoado europeu. Posteriormente, a sede foi transferida para outro local, mas a colonização permaneceu, assim como o nome Morro de São Paulo.

Construções históricas em Morro de São Paulo

Portaló

O Portaló foi aprimorado a partir de uma obra iniciada por volta de 1536. Naquela época, o objetivo era construir um portal com grandes portas de madeira que seriam fechadas durante a noite para proteger a entrada da cidade. A construção do Portaló, conforme visto hoje, levou 100 anos, deixando um legado significativo na história do Morro de São Paulo.

O Casarão

Construído pela família Saraiva em 1608, o Casarão foi a primeira obra de grande porte na ilha. Naquela época, ele serviu como depósito de farinha, mas posteriormente uma de suas salas foi transformada em uma escola. Apesar das reformas ao longo do tempo, o Casarão mantém sua estrutura original até hoje, sendo um dos cartões postais do Morro de São Paulo.

Fortaleza do Morro de São Paulo

A Fortaleza do Morro de São Paulo, conhecida como o Forte do Morro de São Paulo, começou a ser construída em 1630 e tinha como objetivo proteger o arquipélago de Tinharé e Salvador.

Ao longo das décadas, a Fortaleza do Morro de São Paulo sofreu destruições e reconstruções. Devido ao tempo e às batalhas da época, o local passou por várias fases de reforma, inclusive recentemente. O monumento é um sistema fortificado tombado pelo IPHAN em 1938.

Fonte Grande

Em 1746, o vice-rei do Brasil, André de Melo e Castro, ordenou a construção de uma fonte em Morro de São Paulo para garantir o abastecimento de água dos soldados do forte e dos moradores da vila, e ela recebeu o nome de Fonte Grande.

Essa fonte foi o maior sistema de abastecimento de água da Bahia colonial e um notável exemplo da tecnologia construtiva da época, utilizando a captação e a decantação tanto das águas subterrâneas quanto das correntes próximas.

Durante muitos anos, foi a principal fonte de água para a população e, até pouco tempo atrás, as pessoas iam lá tomar banho. Atualmente, a fonte é tombada pelo IPHAN.

Igreja Nossa Senhora da Luz

O nome da igreja é uma homenagem à padroeira do local. Os primeiros registros históricos indicam a existência de uma capela com o mesmo nome desde o início do século XVII, de acordo com um mapa de 1725.

A igreja Nossa Senhora da Luz, em Morro de São Paulo, foi construída em várias etapas ao longo de muitos anos. A mudança da antiga capela, localizada ao lado do Farol, para o centro da vila começou em 1628 e foi concluída em 1845, conforme a data na fachada.

Construída no estilo barroco, a igreja do Morro de São Paulo possui uma história rica em ouro, prata e imagens sagradas, sendo alvo de alguns furtos. Uma curiosidade é que, se olharmos o chão da Igreja Nossa Senhora da Luz, veremos várias lápides de antigos moradores e nativos enterrados ali. A data mais antiga é de 1869.

Farol do Morro de São Paulo

As obras do Farol do Morro de São Paulo começaram em 1848 e foram totalmente concluídas em 1855. A construção tinha como objetivo facilitar o acesso ao porto de Valença.

Devido à importância estratégica do local, o mirante próximo ao Farol fez parte do conjunto defensivo da ilha durante as invasões holandesas e desempenhou um papel importante na defesa de Tinharé e da Baía de Todos os Santos, juntamente com a Fortaleza.

O registro histórico mais relevante vem das anotações do diário de Dom Pedro II, descrevendo o Farol durante a visita da família real à ilha em 1859. Na época da Segunda Guerra Mundial, uma estação de rádio-telegrafia do Ministério da Marinha funcionava nas proximidades do Farol, cujas ruínas ainda podem ser vistas.

Morro de São Paulo Hoje

Algumas décadas atrás, pequenas casas de pescadores foram construídas e os moradores locais contam que a subsistência era baseada principalmente na pesca. Morro de São Paulo era um pequeno vilarejo onde não havia telefone nem luz elétrica. A eletricidade chegou à ilha somente em 1985!

Nos anos 70, quando os primeiros visitantes de verão surgiram, a pacata vila não imaginava o que estava por vir. Os visitantes de verão, que alugavam as casas dos pescadores, começaram a construir suas próprias casas de temporada. E quando mochileiros e hippies descobriram o local, espalharam através de seus relatos a beleza e o encantamento pela charmosa ilha. Então, os turistas chegaram e as casas do pequeno vilarejo se transformaram em hotéis, pousadas e restaurantes.

Atualmente, Morro de São Paulo é um destino que atrai tantos estrangeiros como pessoas de todas as regiões do Brasil, resultando em uma comunidade multicultural que enriquece o lugar com uma diversidade incrível de arte, cultura e gastronomia. Com essa fusão de influências, Morro de São Paulo encanta seus visitantes ao entrelaçar de forma harmoniosa o seu passado histórico com a vibrante energia do presente, proporcionando uma experiência verdadeiramente enriquecedora e fascinante.

Gostou desta publicação? Explore Morro de São Paulo através das nossas redes sociais! Estamos aqui para trazer a você as melhores dicas, informações importantes e as últimas novidades sobre este paraíso. Siga-nos para desbravar praias deslumbrantes, trilhas emocionantes e experiências únicas que Morro de São Paulo tem para oferecer.

Compartilhe nossas postagens com amigos e familiares que também adoram viajar, permitindo que todos se encantem com este lugar mágico. Junte-se a nós para criar uma comunidade apaixonada por viagens e descobertas. Sua aventura em Morro de São Paulo começa agora em nossas redes sociais!

Como participantes do Programa de Associados da Amazon, somos remunerados pelas compras qualificadas realizadas.

O conteúdo desta página está protegido.